É tempo de REVOLUÇÃO no amor.

Por isso TRANSFORME. Deixe ir o que não cabe mais: os medos, as crenças, as instituições.

Esqueça os MODELOS, agora é você quem vai dizer como quer amar.

RECONSTRUA. Uma, duas, quantas vezes precisar. Porque o amor é construção e desconstrução, é criar e recriar com a única certeza que não chegará a uma versão final.

Respeite as diferenças, faça melhor CELEBRE as diferenças. De opinião, de vontade, de tesão.

Seja quem você quiser ser, expresse sua INDIVIDUALIDADE. Viva a sua VERDADE.

É tempo de MULTIPLICIDADE.

OLHE para as pessoas, CONECTE-SE em suas fragilidades, em suas vulnerabilidades, em sua humanidade.

Se você está procurando o amor da sua vida PARE.

Se você não se sentir inteiro, CORRA.

Amor é ENCONTRO, é fluidez, é um sopro.

É tempo de DESILUSÃO.

JAMAIS sinta vergonha do amor que sente por alguém.

Amor é CORAGEM.

É colocar o coração sob a mesa sem a menor garantia que o mundo irá gostar de ti.

Se sentir vontade FAÇA, se sentir tesão GOZE, se sentir saudade FALE.

Amar é VERDADE.

DESCOMPLIQUE. Pense menos, SINTA mais.

É tempo de TRANSPARÊNCIA.

ABRA O CORAÇÃO. Para novas pessoas, novas ideias, novos sentimentos, novas experiências.

AME, com verdade, com empatia, com compaixão.

SEJA LIVRE. Livre de regras, de preconceitos, de manuais. O amor é LIVRE para ser como VOCÊ quiser.

É tempo de LIBERDADE.

É tempo de tirar o amor da CAIXA, de pensar no amor de verdade, de viver com o coração e fazer do amor revolução.